>  >  > 
Conduzir até ao Castelo de La Loire

O Vale do Loire é uma terra única, onde os castelos de contos-de-fadas abundam, juntamente com as vistas deslumbrantes do rio Loire e, evidentemente, a excelente comida a cada paragem da sua viagem. Caso nunca tenha estado neste local mágico, inclua-o na lista de locais a visitar em França. Quando apanhar o seu veículo alugado em Paris, está pronto a partir numa aventura de regresso ao passado, à era Renascentista, a apenas 2 horas de distância!

Castelo Chambord

Chambord_ThinkstockPhotos-493540712

Inicie a sua aventura com o Castelo Chambord Esta estrutura e os seus jardins encontra-se a menos de duas horas de Paris para oeste e ligeiramente para sul. Existe um rio real e florestas na propriedade, assim como veados e javalis, vistos a pastar. Este é o início do Vale do Loire, Património Mundial da UNESCO. É considerado o maior e melhor castelo da Renascença Francesa.

Francisco I, Rei da França, construiu o Castelo Chambord como pavilhão de caça para a nobreza. A atração parcamente mobilada oferece um vislumbre da graça e do nível dos edifícios reais Franceses, e os jardins são um dos lugares favoritos para um passeio.
Caso suba a escada Leonardo, pode ver o cimo das torres e a expansão dos jardins em baixo. Veja a escadaria em Dupla-Hélice; é ela a razão de muitos considerarem que o castelo foi inspirado e, possivelmente, concebido pelo grande mestre Leonardo da Vinci. Embora nunca venhamos a ter a certeza, podemos usufruir dos aposentos privados da realeza, de viagens guiadas, da apresentação de filmes e de mais ainda no Castelo Chambord.

Após ter realizado esta magnífica viagem, e caso esteja com fome ou sede, existem restaurantes e hotéis nas redondezas. Por exemplo, o La Maison d’à côté ou o Hotel Restaurante du Grand Saint-Michel oferecem ambos excelente comida e aposentos, onde pode descansar confortavelmente até de manhã, quando tem início a parte seguinte da sua viagem e a condução ao longo das belas estradas do Vale do Loire até ao Castelo Real de Amboise.

Castelo Real de Amboise

Amboise_ThinkstockPhotos-502785347

Em finais do século quinze e inícios do século dezasseis, muitos foram os reis e nobres da Corte de Valois que permaneceram no castelo assim nomeado devido à cidade vizinha. O Rei Carlos VIII nasceu em Amboise, e o Rei Francisco I passou aí grande parte da sua infância.
O Castelo Real de Amboise é também o local de descanso de Leonardo da Vinci. Atualmente, pode explorar a incrível coleção de mobiliário gótico e renascentista no interior do castelo e, talvez, ver uma cadeira onde se sentou o Imperador Carlos V, o Rei Luís XIV, Filipe V, o Imperador Napoleão II e muitos outros!

O Castelo de Amboise exala a sofisticação de França sob a influência artística italiana. Por exemplo, a capela de Saint-Hubert e os jardins do Mediterrâneo no exterior da capela, onde pode deslumbrar vistas panorâmicas do Vale do Loire. Certifique-se que efetua viagens guiadas e individuais e que espera pela altura do ano em que se realizam eventos públicos.

Pode descobrir que ficou de tal maneira encantado, que permanecerá por mais tempo do que o planeado. Caso isto aconteça, existem restaurantes e aposentos próximos do Amboise. O Breche oferece comida local e provas de vinho, ou o mercado local de Amboise ao domingo, onde pode praticamente comprar todo o tipo de comida e bebida que pretende.
Antes de deixar Amboise, não se esqueça de visitar Clos Luc – Parque Leonardo da Vinci, um museu dedicado às invenções de Leonardo da Vinci. Este local foi a sua última residência!

Castelo de Chenonceau

Chenonceau_ThinkstockPhotos-458121859

A menos de uma hora de carro de Amboise, a antiga residência real, o Castelo de Chenonceau, é um dos castelos mais visitados de França, certamente pela sua deslumbrante arquitetura e pelo sentimento mágico único que inspira. Mulheres como Diana de Poitiers e Catarina de Médicis certificaram-se que seria um local opulento e acolhedor para ficar e um tesouro a visitar. O castelo foi construído sobre o rio em 1513 por Katherine Briconnet. Existe um sentimento deveras distinto quanto ao castelo – foi cuidadosamente salvaguardado contra ataques armado e a revolução para permanecer intacto até hoje.

O castelo encontra-se aberto durante o ano inteiro e possui jardins, estufas para vários animais e planta, um restaurante e, inclusive, uma quinta e um labirinto estilo século dezasseis. O castelo inspira-se na Renascença Italiana e oferece horas e horas de visitas guiadas, exposições interativas, atividades para todas as idades, lojas e muito mais.

Enquanto estiver em Chenonceau, porque não aproveitar a oportunidade para ficar num hotel ou alojamento com pequeno-almoço incluído no bonito ambiente do Vale do Loire? É possível encontrar inúmeras viagens pela comida e vinhos locais a uma curta distância de carro e, entre as atrações locais, constam a canoagem, caves, passeios em balão de ar quente, provas de vinho ou passeios apaixonados pelo rio.

Comments

comments

Compartilhe o artigo